Banco de Leite Humano Marly Sarney recebe certificação nacional em excelência

Pelo quarto ano consecutivo, o Banco de Leite Humano (BLH) Marly Sarney, setor ligado à Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (MNSL), foi agraciado com o credenciamento na categoria “Padrão Ouro” pelos bons serviços prestados à população sergipana. A premiação aconteceu no Rio de Janeiro/RJ, durante o Encontro Nacional de Referência em Bancos de Leite Humano.

A iniciativa da Rede Global de Bancos de Leite Humano, conta com o patrocínio da Coordenação Geral de Saúde da Criança e Aleitamento Materno do Ministério da Saúde (MS), e tem sob a sua coordenação a Fundação Oswaldo Cruz IFF e ICICT. O reconhecimento tem como foco a proteção, promoção e apoio ao aleitamento materno, exclusivo até os seis meses, além da continuidade da amamentação para crianças até os dois anos ou mais.

“Receber o credenciamento na categoria ‘Padrão Ouro’, por ter cumprido com os pré-requisitos estabelecidos pelo programa Iberoamericano de Banco de Leite Humano, mostra que continuamos no caminho certo. Esse é o reconhecimento do trabalho desenvolvido e que está comprovado pelos órgãos responsáveis. O nosso compromisso é fortalecer ainda mais a saúde da mulher e da criança do nosso Estado e, assim, colaborar com a redução da morbimortalidade infantil”, destacou a gerente do BLH Marly Sarney, Hélia Karla Agapito.

Do total de 220 Bancos de Leite Humano, 198 participaram do credenciamento nas categorias Ouro, Prata e Bronze. A rede de Bancos de Leite de Sergipe também recebeu premiação. “O BLH de Itabaiana, assim como o Marly Sarney, foi agraciado com o “Padrão Ouro”. Já o BLH de Lagarto recebeu a certificação ‘Prata’. Isso comprova seu padrão na qualidade dos serviços prestados ao binômio (mãe – bebê) e, também, dos produtos certificados com qualidade”, finalizou a gerente do BLH Marly Sarney, Hélia Karla Agapito.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA